Ele gosta mas para mim é tudo tralha!

terça-feira, fevereiro 25, 2014
Ao contrário da imagem que o N. tentou passar no post anterior, não me importo nada que ele jogue, apesar dele dizer a todas as pessoas que sim. Confesso que não percebo a adoração dele por jogos, nem por essas tralhas todas, mas isso não significa que eu me importo ou que não gosto que ele o faça.
Para mim é uma perda de tempo. Mas também sei que para ele andar a vaguear pelos blogues de moda, a vogue ou a mango  também o é.
Acho que acima de tudo, temos que saber respeitar o espaço e os gostos de cada um.

É verdade que quando chego a casa dele ao Domingo (invariavelmente ele está a jogar) faço sempre uma cara de semi amuada por ficar à espera que ele termine, mas é sempre mais numa onda de a seguir receber miminhos extras! Porque ele acaba sempre por desligar a ps3 só para estar comigo. Por norma, estas são actividades que fazemos cada um em sua casa e procuramos quando estamos juntos fazer algo que os dois gostemos.
Recentemente chegamos à conclusão que isto agora vai mudar, uma vez que está nos nossos planos a curto prazo, irmos viver juntos. E eu claro que comecei logo a imagina-lo a jogar à noite ou ao sábado à tarde. Até aqui tudo muito bem, desde que eu também esteja refastelada no sofá a ver a zara online ou anatomia de grey!
Agora ele a jogar e a menina a passar a ferro é que não (Também acho que o N. seria incapaz de fazer algo assim...!).
Como é óbvio eu não pretendo que ao partilharmos uma casa façamos TUDO em conjunto, do estilo ver o mesmo programa de televisão, a mesma série ou termos que estar na mesma divisão depois de jantar,  como se agora fossemos um só.
Não somos. Nem eu quero. Eu preciso do meu espaço e  o N. terá o dele (claro que sempre que ele for jogar vai levar com uma boca minha a dizer  que jogar é para putos e uma perda de tempo….=) )

A verdade é que dá-me um jeito desgraçado ele adorar jogos e ter ipads, ps3, x-box, psvitas e todas as outras tralhas que vocês possam imaginar, uma vez que assim o meu afilhado acaba por ficar com o material desactualizado.

Agora isto sim,  é uma coisa que eu não entendo! O dinheiro que se gasta nestas tralhas e o facto de estar sempre desactualizado! Muda o ano e lá vem ele a chorar a dizer que saiu a psvita, que é melhor, que dá para ver não sei o que, que vai usar em viagens…respiro fundo e pergunto, então e agora o que fazes à psp? Nada! Pois claro!
E este discurso ando eu a  ouvir em relação à PS4, ele chora, ele diz que quer, ele tenta convencer-me (para eu o incentivar e não faze-lo sentir culpado por gastar  tanto dinheiro) mas a minha dúvida persiste, o que raio vai fazer ele à PS3? Será assim tão diferente?
Ele contra-argumenta, diz que eu todos os anos gosto de comprar botas novas e casacos que estejam na moda. Mas é mentira. Ou melhor é uma meia-mentira. É verdade que compro roupa nova, mas também é verdade que uso a dos anos anteriores.

De modo, que não entendo! Contudo sou a primeira a dizer para ele comprar (depois de gozar e dizer que só compra tralha), tal como ele faz comigo.
A PS4 ainda não está lá por casa, mas aposto tudo convosco que vai viver connosco para a casa nova!

6 comentários:

  1. O meu não é Playstation mas é jogos no computador (claro que para eles faz toda a diferença mas para mim é tudo igual :p). E devo dizer que, vivendo nós os dois juntos, e só havendo uma televisão em casa, me dá um jeitão que ele jogue no pc, porque assim vejo as minhas séries à vontade, ou leio no sofá, enquanto ele joga quietinho de phones. Porque, tal como dizes, mesmo vivendo juntos continuamos a precisar, cada um, dos seus momentos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Connosco vai ser mais ao contrário, eu ao pc e ele na televisão!
      Mas sinceramente não me importo nada ;)

      Eliminar
  2. Parece que estou a ler a biografia da minha relação. Apesar do V. nãoo ter nada disso, gostaria muito...Mas eu cá já lhe disse que se ele quiser preencher o tempo livre que pegue num pano ou no ferro de engomar. Mas sim, pronto, temos de respeitar .... =S

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. LOL!
      Estou a imaginar-te a dizer isso ao V. ;)

      Eliminar
  3. Como te compreendo!! O T. é igualzinho... Música, filmes, séries, jogos e consolas com fartura.
    Se em relação aos 3 primeiros até gosto desses seus "vícios", porque acabo por também disfrutar, o mesmo não penso dos últimos. Também não me importo que jogue (não está sempre colado àquilo...), mas faz-me confusão o dinheiro que gasta nessas coisas. Mas respeito. O dinheiro é dele e também tem direito a uns "miminho" de vez em quando.
    Se reparares, para nós é sempre mais fácil e barato mimarmo-nos (uns brinquinhos, uma bolsinha ... qualquer coisa nos serve), mas para eles a oferta já é menor e beeem mais cara (isso é bem percetível quando queremos oferecer-lhes algo). Portanto tento ver isso como um mimo (dele para com ele... porque eu recuso-me a oferecer-lhe mais jogos)

    ResponderEliminar
  4. Ahhh, mas confesso que às vezes fico colada a vê-lo jogar e espantada com os gráficos, as histórias e os pormenores de alguns jogos. Alguns são autênticos filmes em que és tu (ou ele, vá...) que escolhes a história. Muito giros, mesmo!
    Outros não têm piadinha nenhuma e não consigo perceber como alguém fica vidrado naquilo durante horas.

    ResponderEliminar